SEXTA, 08/01/2021, 18:37

11 presos não retornaram de saídas de fim de ano

De acordo com Depen, o número mantém a média de anos anteriores.

Nove dos 130 detentos que foram liberados para passarem as festas de ano novo com a família não voltaram às unidades penitenciárias. O prazo final para o retorno foi na tarde da última quinta-feira (7). Segundo Reginaldo Peixoto, coordenador regional do Departamento Penitenciário (Depen), um dos presos não voltou, pois veio a óbito. De acordo com a família de outro detento, ainda na tarde desta sexta-feira, o mesmo voltaria à penitenciária.  

Ao todo, na saída de Natal, o Depen informou que quatro detentos não retornaram. Um deles veio a óbito e outros três são considerados foragidos. Com o acréscimo dos números do ano novo, o total chega a 11 presos. Apesar de um leve aumento em comparação a períodos anteriores, segundo o coordenador do Departamento Penitenciário, o percentual está dentro da média de outros anos.

Peixoto ainda explica que as saídas são garantidas pela Lei de Execução Penal e atendem a detentos do regime semiaberto que tem o direito de visitar os familiares. Ele ainda destaca que presos inseridos à unidade recentemente não usufruíram do benefício.

Para o retorno dos detentos, um protocolo de prevenção à Covid-19 foi desenvolvido como forma de evitar a proliferação do vírus na população carcerária. Dessa maneira, aqueles que estão retornando da saída temporária ficam separados dos demais internos e passam por um período de monitoramento durante 14 dias. Os presos que não se apresentaram na data estipulada já são considerados foragidos e, quando encontrados, serão conduzidos ao regime fechado.

Por Victor Assis

Comentários