SEGUNDA, 19/10/2020, 16:48

Apesar de liminar favorável, apenas quatro escolas particulares retomam as aulas presenciais em Londrina

As demais unidades, 50 no total, ainda estão em processo de planejamento, e só devem autorizar o retorno das atividades na próxima semana. Aulas estão sendo dadas apenas para alunos autorizados pelos pais e levando em conta uma série de cuidados de higienização.

Apenas quatro das 54 escolas particulares representadas pelo Sinepe em Londrina retomaram as aulas presenciais nesta segunda-feira. O retorno foi possível graças a uma liminar judicial obtida pelo sindicato na última semana. A retomada tímida é reflexo do grande planejamento que as unidades estão precisando fazer para cumprir todos os requisitos determinados pela Justiça na autorização. A principal delas prevê que as aulas presenciais só vão ser ministradas mediante autorização dos pais dos alunos. Ou seja, só envia o filho para a escola quem se sentir confortável com a situação. A Justiça determinou, ainda, que as unidades tomem uma série de cuidados durante a realização das aulas, reforçando a higienização das salas, orientando alunos e professores a utilizarem máscaras e álcool gel, e, também, cumprindo o chamado distanciamento social entre os presentes. A vice-presidente do Sinepe, Maria Antonia Fantaucci, diz que, apesar de trabalhoso, o retorno foi realizado de forma tranquila nas quatro escolas nesta segunda. Ela destaca que, em média, 60% dos alunos já voltaram a estudar em cada uma das unidades, e que os demais continuam a receber o conteúdo de forma virtual.

Maria Antonia afirma, ainda, que as demais escolas representadas pelo sindicato, cinquenta no total, devem fazer a retomada, de forma gradativa, até o início da próxima semana.

Questionada se o Sinepe teme que a liminar judicial seja derrubada pela prefeitura, que já apresentou um recurso no Tribunal de Justiça contra a autorização, Maria Antonia diz esperar que não, garantindo que todos os critérios determinados serão cumpridos.

Por Guilherme Batista

Comentários