TERCA, 03/08/2021, 19:23

Apesar de novo lote de imunizantes contra Covid, Ibiporã segue vacinando população com mais 30 anos

De acordo com secretária municipal de Saúde, ampliação na faixa etária de pessoas atendidas depende da chegada de mais doses.

A campanha de imunização contra o coronavírus em Ibiporã segue vacinando a população geral com 30 anos, apesar de uma nova remessa ter sido encaminhada ao município no início da semana com aproximadamente 1.600 unidades de vacinas anti-covid.

De acordo com a secretária municipal de Saúde, Leiliane de Jesus, o novo quantitativo vai reforçar a vacinação deste público, como também vai possibilitar a continuidade do atendimento a pessoas de outros grupos prioritários que ainda não tenham recebido o imunizante, como trabalhadores do transporte coletivo e da varrição de rua. Ela avalia que a ampliação da faixa etária deve ser definida conforme mais vacinas cheguem ao município.

Mesmo com cerca de 74% da população já atendida com, pelo menos, a primeira dose, a secretária afirma que nos últimos dias, a pasta teve que disponibilizar um número menor de vagas de agendamento para que a vacinação não parasse na cidade, como aconteceu em Cambé.

Segundo ela, a nova metodologia aplicada pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) para distribuição dos imunizantes aos municípios paranaenses têm aumentado a quantidade de doses que chega à cidade, mas não no volume esperado. Leiliane de Jesus espera que, nas próximas remessas, esta mudança seja observada com mais propriedade.

Assim como em demais municípios da região o avanço da vacinação contra o coronavírus tem trazido resultados expressivos nos indicadores epidemiológicos. A secretária afirma que este cenário pode, inclusive, contribuir para que serviços de saúde que estavam com atendimentos limitados, possam voltar à atividade em maior número.

Leiliane de Jesus explica que as informações oficiais relacionadas à campanha de imunização contra a Covid-19 em Ibiporã estão sendo divulgadas no site da prefeitura. Ela recomenda que a população acesse a página para acompanhar o avanço da campanha e receber mais orientações sobre o momento da aplicação.

Por Victor Assis

Comentários