TERCA, 15/12/2020, 08:18

Comissões votam pela reprovação das contas do ex-prefeito Antonio Belinati relativas a 1999

Decisão agora vai para plenário, com chance de perda dos direitos politicos por oito anos.

A Câmara de Vereadores de Londrina deu mais um passo para a reprovação das contas do ex-prefeito Antonio Belinati relativas a 1999, consideradas irregulares pelo Tribunal de Contas do Estado do Paraná.

Na reunião desta segunda-feira, as comissões de Finanças e Justiça, com três e cinco votos, respectivamente, corroboraram com pareceres que reprovam as contas. A decisão, agora, vai para plenário.

O relator, Jairo Tamura, falou sobre o posicionamento das comissões, com base em um parecer que aponta dez irregularidades cometidas na gestão do ex-prefeito, como não contabilização de movimentações bancárias, baixas de crédito sem motivação, falta de recolhimento de encargos patronais no sistema de previdência, entre outros.

Por duas vezes, a defesa de Belinati pediu prorrogação de prazo para apresentar a defesa. A alegação era de que o processo tramita há mais de 20 anos e tem mais de três mil páginas. Outro argumento era que a pandemia dificultou o acesso a documentos junto ao Tribunal de Contas, que ficou fechado até 30 de setembro.

Com o posicionamento das comissões, a votação agora será feita pelos 19 vereadores. Será necessário apenas um terço dos votos, ou seja, 7 vereadores, para que as contas sejam reprovadas e o ex-prefeito, hoje com 77 anos de idade, perca os direitos políticos, tornando-se inelegível por oito anos.

Por Marco Feltrin

Comentários