TERCA, 17/05/2022, 12:00

Em nova etapa de vacinação contra Covid, Londrina aplicou mais de cinco mil doses na última semana

Maior parte dos imunizantes foi utilizada em maiores de 12 anos. Atualmente, 11 unidades realizam atendimento à população.

De acordo com um novo balanço divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde, Londrina registrou 5.610 aplicações do imunizante que protege contra o coronavírus. Os dados são referentes ao período entre 9 e 14 de maio, primeira semana de funcionamento da nova estrutura de vacinação anti-covid, com o atendimento descentralizado em 11 Unidades Básicas de Saúde.

Do total de doses aplicadas, 4.870 foram utilizadas em pessoas com mais de 12 anos e outras 740 unidades foram administradas no público infantil. Apesar dessa distribuição de salas de vacinação, em diferentes pontos da cidade, ainda é necessário fazer o agendamento pelo site da prefeitura.

Atualmente, as UBSs Parigot, na zona norte, Itapoã, na região sul, Guanabara, no centro da cidade, Vila Ricardo, na zona leste, e Santa Rita, na região oeste, fazem parte da lista de pontos de imunização, em Londrina. Estes locais também realizam o atendimento de Saúde Primária, em paralelo à aplicação das doses anti-covid. 

Apenas as Unidades Jardim do Sol e Ouro Branco continuam atuando exclusivamente com a vacinação. De acordo com informações da prefeitura, cerca de 400 vagas têm sobrado diariamente nestes dois postos. A orientação para a população que não conseguir atendimento em outras UBSs é que busquem uma das salas exclusivas.

No dia e na hora agendada para receber o imunizante, é necessário apresentar um documento de identificação com foto, carteira de vacinação e o comprovante, com QR Code, que é emitido no momento em que o atendimento é marcado, no site da prefeitura.

Segundo a última atualização do vacinômetro, mais de 495 mil primeiras doses já foram administradas no município, desde o início da Campanha. Aproximadamente 454 mil londrinenses também receberam a segunda aplicação. Por sua vez, cerca de 273 mil unidades da terceira dose foram utilizadas e outras 33 mil vacinas, destinadas ao segundo reforço do público com mais de 60 anos, também já foram administradas na cidade.

Por Victor Assis

Comentários