TERCA, 30/11/2021, 15:54

Governo anuncia retomada das obras de sete Centros de Educação Profissional

Unidade de Londrina ainda está na fase de licitação, com a concorrência pública programada para fevereiro.

As obras dos sete centros profissionais, em Colorado, Ibiporã, Londrina, Maringá, Medianeira, Campo Largo e Diamante do Norte, foram iniciadas há quase uma década. Mas, em 2014, por conta da Operação Quadro Negro, que apontou desvio de recursos em licitações para construção e reformas de escolas da rede estadual, as obras acabaram interrompidas um ano depois e seguiam paralisadas.

A retomada foi anunciada nesta terça-feira e, segundo o Governo do Estado, apenas nos Centros de Educação Profissional de Londrina, Maringá e Medianeira, o investimento inicial chega a R$ 45 milhões. Os três projetos, que ainda estão em fase de licitação e com a concorrência pública programada para os meses de dezembro e fevereiro, tiveram que ser atualizados e têm, basicamente, a mesma estrutura.

São aproximadamente seis mil metros quadrados de área, onde serão construídas 12 salas de aula, 10 laboratórios, biblioteca, parte administrativa, ginásio, auditório, cozinha e refeitório, entre outros espaços. Os Centros de Educação Profissional podem atender até 900 alunos em três turnos.

O diretor-presidente do Fundepar, o Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional, Marcelo Pimentel Bueno, afirma que a retomada das obras nos sete centros é um compromisso assumido pelo governo que começa a ser colocado em prática.

Nas outras quatro unidades, as obras já estão em andamento. O Centro Estadual de Educação Profissional de Diamante do Norte é o que está mais adiantado, com 77% dos serviços já executados. Situação semelhante à do CEEP de Campo Largo, que tem quase 75% da obra realizada.

Já a unidade de Ibiporã está com pouco mais de 35% de execução e a de Colorado, tem menos de 12%.

Por Marcos Garrido

Comentários