QUINTA, 20/05/2021, 19:00

Número de roubos em Londrina tem queda expressiva nos primeiros meses do ano

Segundo levantamento estadual, município registrou redução de mais de 50% das notificações relacionadas ao crime.

De acordo com os dados do Relatório Estatístico Criminal do Centro de Análise, Planejamento e Estatística (CAPE), elaborado pela Secretaria de Estado da Segurança Pública, e divulgados na última quinta-feira (20), o número de roubos no estado teve uma queda de 38,5% no primeiro trimestre desse ano.

A redução representa 4.349 registros a menos entre janeiro e março, em relação ao mesmo período de 2020, passando de 11.193 para 6.844 casos de roubo. A quantidade de furtos no estado também apresentou recuo considerável, de 14%, quando comparado ao ano anterior.

O secretário estadual da Segurança Pública, Romulo Marinho Soares, atribui os bons resultados a uma efetiva organização entre a pasta e as instituições que integram a linha de frente da segurança no estado, como as polícias civil e militar, além dos departamentos de inteligência e penitenciário. A perspectiva é dar continuidade às ações para resultados ainda mais positivos no futuro.

Os dados da Secretaria de Segurança Pública mostram que a queda do número de roubos é ainda maior na região de Londrina. De acordo com o levantamento a redução chega a 53%, mais de 500 registros a menos, quando comparado ao primeiro trimestre do ano passado. Em ambientes públicos, a ação dos órgãos de segurança fez com que a quantidade de ocorrências de furtos diminuísse em 37,7%.

O tenente-coronel Nelson Villa, comandante do 5º Batalhão da Polícia Militar afirma que a aplicação de estratégias eficientes e o aumento de ações que buscam mapear as práticas criminosas na cidade contribuiu para o resultado.

Ele destaca ainda que a implementação de uma série de operações que dão enfoque à ampliação do número de policiais nas ruas também foi importante para a redução dos de roubos e furtos na cidade. O tenente-coronel avalia que o bom desempenho das equipes de segurança se converte em mais confiança por parte da população e prevê que, com aumento do efetivo em Londrina, a criminalidade deve voltar a cair no município.

O levantamento da Secretaria de Estado da Segurança Pública aponta ainda que o registro de furtos e roubos ao comércio também teve queda significativa, casa dos 33%. No primeiro trimestre do ano, o número de ocorrências referentes a residências furtadas passou de 9.950 para 7.405. Já em relação à quantidade de veículos roubados, as informações do relatório indicam uma queda de quase 26%, em relação ao ano passado.

Por Victor Assis

Comentários