TERCA, 15/05/2018, 19:39

Paraná tem 299 pontos vulneráveis à exploração sexual infantil em estradas federais

Levantamento revela que o estado lidera o ranking nacional.

Segundo a Polícia Rodoviária Federal, foram registrados nas rodovias e estradas federais em todo o país, ao menos 2.487 pontos considerados como vulneráveis à exploração de crianças e adolescentes. Os dados, divulgados no lançamento do projeto Mapear 2017/2018, representam um aumento de 20% em comparação com o biênio anterior.

Nessa lista, o Paraná está no topo, com 299 locais que estão na mira da PRF, como comenta o inspetor chefe Marcos Pierre.  O levantamento mostra um aumento de 40% no número de pontos em relação ao estudo anterior.

A região sul do país está entre as três que registrou aumento no número de pontos de vulnerabilidade. O inspetor explica que esses não são locais onde existe a exploração sexual de crianças e adolescentes, mas sim, pontos que precisam ser monitorados.

O inspetor destaca que a população também pode ajudar na identificação de casos de exploração ou de pontos vulneráveis.

No Brasil, 489 pontos foram classificados como críticos, 653 de alto risco, 776 de médio risco e 569 de risco baixo. Isso representa um aumento de 20% em relação ao levantamento realizado entre os anos de 2013/2014.

Por Claudia Lima

Comentários

Publicidade