TERCA, 05/02/2019, 19:56

Prefeitura vai fazer pesquisa com os londrinenses para o Plano de Mobilidade Urbana

Em uma cidade com mais de 500 mil habitantes, 5 mil famílias vão ser selecionadas para a pesquisa denominada "Origem-Destino".

Os trabalhos que integram o Plano de Mobilidade Urbana de Londrina, desenvolvidos pelo poder público e representantes da sociedade civil organizada da início uma pesquisa que será feita com 5 mil famílias londrinenses.

A pesquisa é denominada "Origem-Destino".

De acordo com a diretora de trânsito do sistema viário do IPPUL, Denise Ziober, as famílias vão receber uma carta com uma senha, o agente vai até a casa todo uniformizado para fazer a entrevista e é preciso ter em mãos a senha do responsável pelo imóvel.

Fica mais seguro para a pesquisa e para quem for dar a entrevista.

A intenção é atender uma lei federal e melhorar a mobilidade em todos os setores.

A empresa contratada para atender a demanda já treina 30 profissionais e pretende aumentar para mais 30, caso necessário. Em três meses a pesquisa será finalizada, e vai ser possível entender melhor como está o volume nas vias da cidade, é o que explica o presidente da terceirizada, Wagner Matias.

O início das pesquisas está previsto para o dia 12 de fevereiro com expectativa de finalizar em abril.

Por Bruno Carraro

Comentários

Publicidade