SEGUNDA, 11/05/2020, 06:20

Produtores do Paraná colhem safra recorde

Mesmo com chuva abaixo do normal o estado alcançou a maior produção da história.

A safra 2019/20 vai ficar na história do Paraná. A colheita de soja já está acima de 20,7 milhões de toneladas, segundo estimativa do Departamento de Economia Rural - Deral, da Secretaria de Agricultura e Abastecimento - Seab.

Até então, a marca recorde tinha sido alcançada no ano safra 2016/17, com 19,9 milhões de toneladas.

De acordo com a técnica do Departamento Técnico Econômico da Federação da Agricultura do Estado do Paraná - Faep, Ana Paula Kowalski, apesar da estiagem as chuvas vieram no tempo certo e em quantidade adequada para o desenvolvimento da produção.

Ainda de acordo com Ana Paula Kowalski, é uma recuperação da safra anterior.

Segundo informações do Deral, no total, o Paraná deve colher 41,6 milhões de toneladas de grãos na safra 2019/20. O volume é 16% maior em relação à anterior, quando houve quebra significativa por conta de condições climáticas desfavoráveis.

No milho verão, a colheita está praticamente encerrada, com incremento de 100 mil toneladas sobre a estimativa inicial, impulsionado pela produção acima do esperado em núcleos regionais como Ponta Grossa, Curitiba e Guarapuava. A produção está estimada em 3,5 milhões de toneladas em uma área de aproximadamente 353 mil hectares.

O milho segunda safra, por sua vez, principal safra do cereal no Estado, deve sofrer com a falta de chuvas, na previsão do Deral. A produção está estimada em 12,2 milhões de toneladas em 2,3 milhões de hectares. Apesar do incremento de área, Paraná registrou perda de 5% na estimativa de produção – em torno de 600 mil toneladas, principalmente nos núcleos regionais de Cascavel e Toledo.

Por Bruno Carraro

Comentários