QUARTA, 13/01/2021, 09:25

Vereador preso por tráfico de drogas toma posse em Alvorada do Sul

Cerimônia será por videoconferência da câmara para a cadeia de Bela Vista, onde ele segue detido

A Câmara de Vereadores de Alvorada do Sul confirmou que o vereador reeleito Diogo Canata, do PL, toma posse do cargo na manhã desta quarta-feira, a partir das 11h40. A cerimônia, no entanto, será por videoconferência, já que Canata está preso desde julho na Operação Paranapanema, da Denarc, que investigou o tráfico de drogas na região. Além dele, foram presas outras nove pessoas, incluindo o irmão do parlamentar, que tinha mais de 30 quilos de crack em casa.

Mesmo detido, Canata foi o quarto mais votado nas eleições de novembro, com 251 votos. No período de campanha, o perfil na rede social mostrou ações dele como vereador, entre eles o fato de ter sido o único a votar contra o aumento do IPTU na cidade.

Durante a posse da nova mesa diretora, foi decidido que o reeleito não seria empossado no cargo porque o regimento interno não previa posse por procuração, que no caso estava em nome da esposa de Diogo. 

Porém, a defesa entrou com mandado de segurança e conseguiu liminar da justiça, que deu prazo de 72 horas para o Legislativo realizar a cerimônia de posse.

Uma estrutura será montada na cadeia de Bela Vista do Paraíso, onde Canata está detido, para que ele leia o juramento e assine virtualmente o termo de posse. Ainda não se sabe se a estrutura ficará mantida para que ele também participe das sessões do Legislativo.

Com a posse garantida, a defesa do vereador agora luta para que ele receba o salário de R$ 4,9 mil mensais, que segue suspenso durante a tramitação do processo criminal contra ele. Em julho do ano passado, Canata já havia entrado com um mandado de segurança para receber os salários, o que foi negado pelo juiz da Vara da Fazenda Pública de Bela Vista.

Existe ainda a possibilidade de que a mesa diretora da Câmara de Alvorada do Sul abra um processo de cassação de mandato contra Diogo Canata. Neste caso,quem ficaria com a vaga é Marquinho Tanajura, primeiro suplente do PL, que fez 110 votos.

Por Marco Feltrin

Comentários