QUINTA, 18/03/2021, 08:49

Reunião discute vacinação dos idosos contra a Covid-19 em Londrina

Resistência à imunização era muito forte no início, mas vem sendo combatida com campanhas de informação

A Comissão de Defesa dos Direitos e Bem-Estar da Pessoa Idosa da Câmara de Vereadores de Londrina realizou uma reunião remota para discutir a vacinação da terceira idade contra a Covid-19 no município.

A principal preocupação dos parlamentares integrantes da comissão é com a falta de conscientização dos idosos diante da disseminação de informações falsas sobre a eficácia da vacina e eventuais contraindicações após tomar as duas doses necessárias. Para a presidente Lu Oliveira, os profissionais da saúde têm papel fundamental para levar confiança em relação à imunização.

A secretária do Idoso, Andrea Ramondini, relatou que foi feito um trabalho junto às 20 instituições de longa permanência no sentido de convencer os idosos da importância da imunização, que começou nos asilos e casas de repouso em 20 de janeiro.

Segundo a secretária, 543 idosos e 390 funcionários das instituições de longa permanência já receberam a primeira dose da vacina, faltando aplicar a segunda dose em parte das casas de repousos particulares e conveniadas existentes na cidade.

A diretora de Direitos da Pessoa Idosa da Secretaria Municipal de Saúde, Ana Karina Anduchuka citou um trabalho feito pela pasta para alcançar idosos que não tenham sido imunizados, seja por falta de informação ou por dificuldades no agendamento.

Ana Karina também pediu compreensão com idosos que eventualmente precisam sair de casa para realizar determinadas atividades.

 

Por Marco Feltrin

Comentários