QUINTA, 26/03/2020, 19:56

Setor de distribuição e revenda de veículos novos prevê reabertura das lojas a partir do início do próximo mês

A média na região de empregos diretos e indiretos dentro das concessionárias chegam a 10 mil pessoas. Comerciantes começam a fazer manifestações para voltarem a trabalhar.

Seguindo as recomendações do Ministério da Saúde e da Organização Mundial da Saúde, governadores de todo o País determinaram o fechamento de lojas, shoppings e restaurantes como forma de prevenção à transmissão do novo Coronavírus.

O governo do estado e a prefeitura de Londrina, seguiram as mesmas medidas e recomendações previstas para se manterem até o dia 6 de abril, podendo ser renovada para outros 15 dias.

Diversos setores respeitaram os decretos e aguardam nova posição do prefeito que estuda a possibilidade de abertura junto com a Associação Comercial e Industrial de Londrina.

O setor de concessionária de veículos emprega na região mais de 10 mil pessoas de forma direta ou indireta.

De acordo com o membro e ex-presidente da Federação Nacional de Distribuição de Veículos Automotores – Fenabrave, Flavio Menegueti, a situação de transmissão deve ser analisada diariamente, mas a expectativa é que o retorno das atividades seja efetivamente realizada no dia 6 de abril. Porém, deve ter ressalvas apenas para as pessoas mais suscetíveis ao vírus.

Alguns comerciantes começaram a fazer protestos e manifestações para voltarem a atender em suas lojas.

Por Bruno Carraro

Comentários