TERCA, 28/08/2018, 19:23

Três estados aumentam emissão de carteiras de trabalho em cidades de menor porte

No Paraná Cambé passou a emitir o documento na própria cidade, antes o Instituto de identificação cadastrava as pessoas interessadas, mas era confeccionado em Curitiba para depois voltar para a cidade.

O Ministério do Trabalho tem feito acordos de cooperação técnica com as Secretarias de Trabalho de diversas cidades do País. A intenção é aumentar a confecção de carteiras de trabalho.

Três estados registraram nos últimos meses aumento expressivo na emissão do documento profissional.

São cidades de menor porte como Cambé e Itaperuçu, no Paraná; Nova Alvorada do Sul, em Mato Grosso do Sul; e Santo Cristo e Vila Flores, no Rio Grande do Sul.

De acordo com o diretor da Secretaria de Trabalho e Profissionalização de Cambé, Jefferson Luiz de Oliveira, antes o documento era emitido pelo Instituto de Identificação, a demanda era menor e as carteiras eram solicitadas para a confecção em Curitiba.

Com o acordo de cooperação técnica a cidade agora produz em média 15 carteiras profissionais por dia, nos 20 dias úteis do mês.

O serviço passou para a Secretaria do Trabalho de Cambé em março desse ano e em julho foi possível fazer o agendamento. Em média são 15 dias de espera para solicitar a emissão. No ato da solicitação de atendimento são repassadas as informações de documentos necessários. Não é preciso levar foto.

Pessoas a partir de 14 anos de idade podem solicitar a carteira profissional.

O atendimento é feito de segunda a sexta-feira das 7h30 da manhã as 5h da tarde, na Avenida Inglaterra, 774, no centro de Cambé.

O endereço eletrônico para agendamento é www.cambe.pr.gov.br.

Por Bruno Carraro

Comentários