QUARTA, 27/05/2020, 18:24

Funcart precisa arrecadar pelo menos R$ 20 mil e faz campanha online

A “Vakinha” virtual será para pagar despesas básicas da Fundação que, assim como outros setores, sofre redução drástica na arrecadação com a pandemia do novo Coronavírus.

A Fundação Cultura Artística de Londrina – Funcart está há mais de 30 anos com atividades ininterruptas na cidade.

E por conta da pandemia do Coronavírus foi preciso interromper os trabalhos em cumprimento do decreto e para segurança dos alunos. O que resultou na queda drástica de arrecadação. A Fundação deixou de arrecadar mais de 70%.

Contas básicas como telefone, IPTU, água e luz não estão pagas.

Para reerguer a Funcart são necessários R$ 20 mil, no mínimo. Para arrecadar esses recursos uma “Vakinha” virtual está sendo feita.

De acordo com o coordenador da Escola Municipal de Teatro, Silvio Ribeiro, ainda há contas a serem pagas da reforma do circo que há anos necessitava de recuperação. O município contribui mensalmente, mas é suficiente para pagar professores e bailarinos, e ainda restam os profissionais do setor administrativo e manutenção.

Hoje são 42 funcionários.

Além do site é possível compartilhar a campanha no facebook da Funcart.

Silvio pede o compartilhamento da campanha nas redes sociais e grupos para conseguirem chegar à meta e quitar as dívidas.

A Escola está sem atividades desde o dia 17 de março. As doações em qualquer valor podem ser feitas de forma simplificada, por meio de cartão de crédito ou boleto, diretamente no  vakinha.com.br.

A campanha segue até julho.

Desde o início da quarentena, os funcionários e professores reinventaram formas de atuação virtual para continuar oferecendo atividades aos alunos e uma programação online para a comunidade, com atividades físicas, disponibilização de espetáculos, leituras dramáticas, palestras, lives, dentre outras. A programação está sendo espalhada pelas redes sociais por meio da #FuncartemCasa.

Por Bruno Carraro

Comentários