SEGUNDA, 26/08/2019, 15:49

Onze empresas fazem proposta para construir nova sede do Samu

Obra tem custo previsto de cinco milhões e quatrocentos mil reais.

Depois de republicar o edital de licitação para a construção da nova sede do Samu, a secretaria de Gestão Pública recebeu 11 propostas de empresas interessadas em tocar a obra.

O prédio será construído ao lado da rodoviária, em um posto de combustíveis desativado.

No primeiro edital, o valor estimado era de 4,7 milhões de reais. Empresas questionaram a planilha de custos da obra, e a licitação foi republicada com valor atualizado de 5,4 milhões de reais.

Segundo a secretaria de Gestão Pública, nas próximas duas semanas serão analisados os documentos para checar se as empresas possuem condições de executar o serviço.

Na sequência, serão abertos os envelopes com os valores das propostas das empresas qualificadas. A vencedora terá prazo de 12 meses para concluir a obra.

Das 11  empresas interessadas, apenas duas são de Londrina.

O secretário de Saúde, Felippe Machado, falou sobre a importância no novo prédio, que vai centralizar os serviços do Samu na cidade.

Por Marco Feltrin

Comentários