QUINTA, 31/10/2019, 18:28

Veículo cai em cratera feita por concessionária de pedágio em local que era utilizado como desvio

O terreno é de propriedade da prefeitura de Arapongas e segundo informações da Viapar estava sinalizado.

Nesta quinta-feira um veículo caiu na cratera aberta pela concessionária responsável pelo pedágio de Arapongas.

A cratera foi aberta na semana passada para impedir o acesso de veículos em uma propriedade da prefeitura como desvio de pagamento do pedágio.

O terreno que pertence à Prefeitura de Arapongas, não pode ter interferência da administração pública, já que a concessionária ganhou na justiça o direito de interferir o acesso de veículos no local.

A Viapar, que administra a rodovia, tem o direito legal de impedir que veículos utilizem o espaço para o desvio do pedágio.

O dono veículo pagaria a taxa de R$ 10,50 e agora o motorista vai ter que arcar com os custos para retirada o carro da valeta, além dos danos materiais.

Em nota a Viapar reiterou que existe um plano de desconto de até 80% no pedágio para mais de 22 mil motoristas que residem em Arapongas e precisam se deslocar para o trabalho ou estudos fora da cidade. E completou avaliando que o local da ocorrência não é uma estrada alternativa, mas um terreno de propriedade do município de Arapongas e estava devidamente sinalizado.

Nossa reportagem conversou com o prefeito de Arapongas, Sérgio Onofre, que preferiu não se manifestar sobre o caso, mas lembrou que a prefeitura não pode interferir nas ações da concessionária no local e que sabe que o trecho da valeta foi devidamente sinalizado.

O motorista teve apenas ferimentos leves.

Por Bruno Carraro

Comentários