SEGUNDA, 25/05/2020, 18:49

Aumenta em 680% o número de alunos da rede particular que migram para escolas do município

Só nesse mês, até agora, foram quase 80 novos alunos na rede municipal.

A rede municipal de educação de Londrina registou aumento no número de crianças que estavam na rede particular e precisaram ir para a rede municipal desde o início da pandemia do novo Coronavírus.

No ano passado foram 10 novos alunos no mês de maio. Nesse ano até agora nesse mês foram 78 alunos da rede particular que migraram para as escolas do município. Isso representa um aumento de 680% em comparação com o mesmo período do ano passado.

Os dados são da própria Secretaria Municipal de Educação.

Em março foram seis transferências, em abril 65 e maio até o último dia 22, 78 transferências.

De acordo com a Secretária Municipal de Educação, Maria Tereza Paschoal de Moraes, as escolas estão recebendo as crianças com as mesmas atividades online e em casa como nos alunos que já estavam inseridos na grade.

Após a pandemia, quando houver o retorno gradativo das aulas presenciais, os estudantes serão inseridos com toda a estrutura que o município tem.

Essas crianças normalmente tem idade a partir de 4 anos de idade.

Ainda de acordo com Maria Tereza, o número de crianças que precisaram de reforço estudantil no ano passado era superior a 4 mil, nesse ano a estimativa é que ao menos 8 mil alunos precisam de reforço no fim do ano.

A rede municipal de Londrina tem hoje 44 mil alunos de todas as idades.

Da rede municipal com grade curricular obrigatória, a cidade tem ao menos 38 mil alunos a partir de 4 anos de idade.

Outras informações sobre transferências o telefone é o 3375-0022.

Por Bruno Carraro

Comentários