SEXTA, 14/02/2020, 07:32

Comissão que discute horário do comércio marca reunião com entidades, mas encontros serão separados

Inteção do grupo é primeiro ouvir as ideias de cada setor envolvido para depois desenvolver estratégias

A Comissão especial montada para discutir o horário de funcionamento do comércio em Londrina realizou a primeira reunião nesta semana. Formado pelos vereadores Jamil Janene, Eduardo Tominaga e Felipe Prochet, o grupo marcou para a próxima quarta-feira um encontro com entidades ligadas ao setor, como a Associação Comercial e Industrial de Londrina, ACIL, o Sindicato do Comércio Varejista, Sincoval, e o Sindicato dos Empregados no Comércio (Sindecolon). Curiosamente, cada entidade foi marcada em um horário separado, com diferença de uma hora entre elas. O presidente da comissão, Jamil Janene, explica o motivo de não reunir todas ao mesmo tempo.

Outra preocupação da comissão é criar alternativas que possam atrair consumidores para a região central da cidade, como a flexibilização de horários e a criação de outro turno de trabalho. Na opinião de Janene, a expansão dos shoppings criou uma concorrência desleal com o comércio de rua.

A Comissão Especial de Estudo e Análise do Horário de Funcionamento do Comércio tem um prazo de quatro meses para concluir os trabalhos e apresentar um relatório final. O prazo pode ser prorrogado por mais 60 dias.

 

Por Marco Feltrin

Comentários