QUINTA, 11/01/2018, 19:14

Londrina se destaca em edital e tem várias produções audiovisuais selecionadas

Entre os sete curtas-metragens de todo o estado aprovados, seis são aqui da cidade.

O edital foi finalizado em dezembro de 2017 e é resultado de uma parceria da Secretaria Estadual de Cultura com a Agência Nacional de Cinema, ANCINE.

E Londrina ficou em posição de destaque no edital. Na categoria curtas-metragens, por exemplo, das sete produções selecionadas, seis são aqui da cidade. Cada projeto vai receber R$ 60 mil e deve ser finalizado até dezembro deste ano.

Os curtas-metragens de Londrina selecionados foram Pequenos Delitos, de Roberta Shizuko; A Rainha Negra das Passarelas, de Artur Cleo; Astro Negro, de Gustavo Nakao; Inventário, da NTV CINE VIDEO; Redenção, de Alessandra Pajolla e Nigredo, de Auber Silva Pereira Filho. O edital destinou R$ 3,75 milhões para a produção de curtas e longas-metragens, telefilmes e projetos de distribuição.

Guilherme Peraro, presidente do Arranjo Produtivo Local Audiovisual de Londrina e Região e de uma das produtoras selecionadas, diz que o edital tem parte dos recursos viabilizados pelo estado e outra parte do Fundo Setorial do Audiovisual da ANCINE.

Além dos curtas, Londrina teve outros dois projetos que vão receber recursos do edital: o filme para televisão “O Bispo e o Comunista - a incrível herança cultural dos irmãos Sigaud”, da Produtora do Leste, que vai ter R$ 180 mil; e a distribuição do longa-metragem Leste-Oeste, da Kinopus Audiovisual, que receberá R$ 125 mil.

De acordo com Guilherme Peraro, há uma série de fatores contribuindo atualmente para o fortalecimento da produção regional, estimulada em grande parte pelas próprias produtoras do eixo Rio/São Paulo e pelas TVs públicas.

O APL do Audiovisual de Londrina e Região foi criado em junho de 2017. Guilherme Peraro, diz que a ideia é aproximar produtores independentes e conseguir cada vez mais investimentos para as produções locais. Peraro afirma ainda que para 2018 o APL quer sensibilizar a Prefeitura a investir nesse tipo de edital em parceria com a ANCINE.

Por Marcos Garrido

Comentários

Publicidade