QUARTA, 24/11/2021, 18:14

Número de mortes violentas cai quase 13% no Paraná entre janeiro e setembro

Na 20ª Área Integrada de Segurança, que tem sede em Londrina e abrange mais quatro municípios, a queda chegou a 36%. Das 56 mortes violentas registradas até setembro, 37 ocorreram aqui na cidade.

De acordo com o levantamento, divulgado nesta quarta-feira, a queda no número de mortes violentas intencionais no Paraná chegou a 12,82% nos primeiros nove meses de 2021, na comparação com o mesmo período do ano passado. Ainda segundo os dados da Secretaria de Segurança Pública, em 174 municípios, dos 399 que o estado tem, não houve registro de ocorrências do tipo em 2021. Em 2020 foram 154.

O levantamento aponta também que o número de casos registrados de janeiro a setembro caiu de 1.651 no ano passado para 1.466 no mesmo período deste ano – 187 mortes a menos. O indicador Mortes Violentas Intencionais é composto por crimes de homicídio doloso, latrocínio, lesões corporais seguida de morte e feminicídios.

No caso de homicídios dolosos, queda foi de 11,59% (de 1.511 para 1.354). Houve redução de 29,03% nos casos de lesão corporal seguida de morte (de 40 para 31), de 10,09% em feminicídio (de 55 para 49) e de 28,88% em roubo seguido de morte (latrocínio), de 45 para 32.

O balanço aponta, ainda, que junho teve o menor número de mortes violentas intencionais, 130 ocorrências.

Para o secretário de Segurança Pública, Romulo Soares, a redução nos números é fruto das estratégias adotadas, entre elas a inteligência policial contra o tráfico de drogas, e do trabalho ostensivo nas ruas.

Das 23 Áreas Integradas de Segurança Pública do Paraná, 11 registraram aumento na quantidade de cidades sem homicídios. Os destaques foram a 18ª Área, em Apucarana, onde 19 dos 26 municípios não tiveram casos nos primeiros nove meses do ano, e a 23ª em Jacarezinho, onde 13 das 22 cidades não tiveram mortes violentas intencionais no período.

Outro dado é que das 23 Áreas Integradas, 16 registraram queda nos índices, com a diminuição mais expressiva ocorrendo também na 18ª, de Apucarana, que passou de 28 para 10 homicídios, o correspondente a 64% de redução. Na 21ª Área, em Cornélio Procópio, a queda foi de 45%, e na 19ª, de Rolândia, a diminuição foi de 41%.

Na 20ª Área Integrada, que tem sede em Londrina e abrange outros quatro municípios da região - Cambé, Ibiporã, Jataizinho e Tamarana -, a queda no número de mortes violentas nos primeiros nove meses de 2021, na comparação com o mesmo período do ano passado chegou a 36%. Foram 88 em 2020 e 56 agora. A maioria homicídios, 54. Sendo que 37 deles ocorreram aqui em Londrina.

Tentamos contato com o tenente-coronel Nelson Villa, comandante do 5º Batalhão da PM, responsável pelo policiamento em quatro dos cinco municípios da 20ª Área Integrada, para falar sobre a redução nos números de mortes violentas, mas até a conclusão da reportagem não tivemos retorno.

Em Curitiba, dos 75 bairros, 35 não registraram mortes violentas entre janeiro e setembro. No geral, a queda na capital do estado foi de quase 14%, de 197 para 170 registros. No caso dos homicídios dolosos, a redução foi de quase 14%; nos feminicídios caiu 40%, e o roubo seguido de morte apresentou diminuição de 33%. No caso da lesão corporal seguida de morte, estabilidade, com quatro ocorrências nos dois períodos analisados.

Com informações da Agência Estadual de Notícias.

Por Marcos Garrido

Comentários