SEGUNDA, 16/08/2021, 17:30

Rolândia negocia quase R$ 100 mil em semana de mutirão de atendimentos do Profis

Resultado superou expectativas e Secretaria de Finanças estuda possibilidade de novas ações em setembro para ampliar adesões ao programa.

A prefeitura de Rolândia realizou, no último sábado (14), a segunda edição do Programa de Regularização Fiscal (Profis). A nova ação foi promovida por conta da baixa adesão de contribuintes no primeiro mutirão, ainda no início deste mês.

Mas dessa vez, a situação mudou. O diretor de Tributação, Maurílio Puliquesi, diz que o número de pessoas que buscaram resolver a situação com o município, ao longo de toda a semana, superou as expectativas, somando quase R$ 100 mil negociados.

Com o montante da última semana, a campanha em Rolândia já arrecadou mais de R$ 1,7 milhão. Este valor corresponde a aproximadamente 60% dos R$ 2,8 milhões negociados. Mas, de acordo com Puliquesi, uma quantia próxima a R$ 200 mil aplicados ao programa já está, novamente, em atraso.

O Profis contempla taxas como Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), Imposto de Transmissão de Bens Imóveis (ITBI), além de dívidas relacionadas a outros tributos como da vigilância sanitária e também de capina.

O diretor destaca que o Profis continua com novas adesões até o dia 22 de setembro, com possibilidade de desconto em juros e multas de 100% para pagamentos à vista e de 65% para preferir acertar as contas em até seis vezes.

Para participar da iniciativa, a população pode comparecer ao departamento de Tributação, que fica na sede da prefeitura, de segunda a sexta-feira, das 12h às 17h. Os contribuintes também podem aderir ao serviço pela internet. Pulequesi afirma que novas ações aos sábados podem ser realizadas, conforme avaliação da Secretaria de Finanças.

Além do programa, os rolandenses também podem negociar débitos municipais em até 120 parcelas. Mas, neste modelo, com parcela mínima de R$ 30,00, o contribuinte não é beneficiado com descontos em juros e multas.

Em Londrina, o Profis já arrecadou mais de R$ 32 milhões, de acordo com o último balanço divulgado pela Secretaria de Fazenda. Até o fim deste mês, os londrinenses podem aderir ao programa com 90% de desconto em pagamentos a vista ou 80% para quem preferir dividir em até cinco vezes.

Este benefício cai para 40%, caso a opção seja por dividir de seis a 17 vezes. No site da prefeitura, um banner direciona para o portal onde é possível solicitar a emissão do boleto de pagamento dos débitos.

Por Victor Assis

Comentários