QUARTA, 12/12/2018, 20:54

Sondagem Industrial revela que mais de 80% dos industriais paranaenses estão otimistas para 2019

Esse é o melhor índice de expectativa do empresário em seis anos.

A 23ª edição da Sondagem Industrial, pesquisa anual da Federação das Indústrias do Paraná – Fiep,  revela que 81% dos empresários estão otimistas para 2019. Este é o melhor resultado desde 2013.

Participaram da pesquisa cerca de 620 indústrias de todas as regiões do Paraná, e de todos os portes. No total, as empresas ouvidas são responsáveis pela geração de 75,7 mil empregos.

De acordo com o economista da Fiep, Roberto Zurcher, o resultado é tão bom que até a pequena porcentagem de pessimistas acreditam que não será necessário cortar vagas de trabalho ou demitir.

Um dos focos da pesquisa é a produtividade no estado que tem recebido investimentos dos industriais para ampliar ainda mais a demanda.

A microrregião de Londrina compreende as cidades de Cambé, Rolândia, Ibiporã, Tamarana e Pitangueiras, que contabilizam 2.665 estabelecimentos industriais, responsáveis por gerar 44.645 empregos, segundo dados do IBGE.

Dados do Ministério do Trabalho Emprego e Renda revelam que, a fabricação de produtos alimentícios é o principal setor na microregião, com geração de mais de 11,5 mil empregos; seguido por confecção e artigos do vestuário e acessórios, com 4,5 mil empregos; fabricação de produtos de metal com 3,5 mil empregos e fabricação de produtos de borracha e plástico com mais de 3,3 mil vagas.

73% são microempresas e 22% são pequenas, ou seja, 95% de menor porte. Estes dados são do Ministério do Trabalho e Emprego também.

Dados do Ministério do Desenvolvimento apontam que no ano passado, Londrina exportou US$ 1,1 bilhão. Cerca de 6% do total exportado pelo estado. Os principais itens exportados foram produtos químicos, máquinas e equipamentos, trigo e polímeros.

Por Bruno Carraro

Comentários

Publicidade