SEXTA, 14/01/2022, 11:53

UBS do Chefe Newton passa a atender casos exclusivos de síndromes respiratórias na segunda-feira

Será a terceira unidade de saúde reaberta neste início de ano em Londrina diante da alta demanda de casos de Covid e H3N2.

O anúncio de novas medidas para atender o avanço de casos de síndromes respiratórias em Londrina foi feito em coletiva de imprensa na manhã desta sexta-feira (14) pela Secretaria Municipal de Saúde.

A principal novidade é que a Unidade Básica de Saúde do Chefe Newton, na zona norte de Londrina, passará a atender a população a partir de segunda-feira exclusivamente para casos suspeitos e confirmados de Covid-19. A UBS se soma as unidades da Vila Casoni e Guanabara que foram reabertas exclusivamente para esse fim nas duas últimas semanas diante do aumento exponencial de infecções. O atendimento nessas unidades básicas é de segunda a sexta-feira das 7h às 19h, além do plantão 24 horas UPA Sabará na zona oeste

O secretário de saúde, Felippe Machado, citou que além de ajudar na demanda, a unidade irá diminuir o fluxo de moradores da zona norte cruzando a cidade em busca de atendimento médico.

O secretário informou ainda que foi remanejamento na rede de saúde para garantir 8 médicos por plantão na UPA Sabará, 4 na UBS da Vila Casoni, 4 no Guanabara e 2 no chefe Newton. Isso porque a espera passava de mais de 4 horas de atendimento na unidade 24 horas.

Nesta coletiva, alguns números foram atualizados, só na primeira semana do ano foram 3800 atendimentos de casos de síndromes respiratórias na rede municipal de saúde. Nesta segunda semana do ano que ainda não terminou, já passam de três mil atendimentos, uma média de 800 procuras.

Outra novidade é um serviço de telemedicina voltado exclusivamente para pessoas que fizeram testes em exames de farmácia ou laboratórios particulares e positivaram para a Covid-19. A ideia é desafogar a demanda em unidades básicas. Neste canal, as pessoas com diagnosticadas com a doença e com sintomas leves poderão receber orientações e também conseguir o atestado médico para apresentar no trabalho, por exemplo. 

O serviço de telemedicina irá funcionar da 13h às 18 horas com três médicos fazendo o atendimento pelo serviço do disque coronavírus no 0800-400-1234.

Por Guilherme Marconi

Comentários