QUARTA, 25/03/2020, 19:05

Uel não consegue substância para produzir álcool em gel, mas vai disponibilizar o 70% para policiais utilizarem em viaturas de 89 municípios da região

O Departamento de Química aguarda a chegada do insumo para voltar a fabricar o material em gel.

O Departamento de Química, do Centro de Ciências Exatas (CCE), da Universidade Estadual de Londrina - UEL, fez o tratamento de 150 litros de álcool 70% que vão ser usados nas viaturas de patrulhamento do 2º Comando Regional de Polícia Militar, que compreende 89 municípios do Paraná.

A entrega do material à Polícia Militar já foi realizada.

De acordo com o vice-reitor da UEL, professor Décio Sabbatini, a fabricação seria de álcool em gel, mas não há disponível a substância que transforma em gel. Por isso estão sendo desenvolvidos outros meios para chegar a 70%, mas aguarda o material para produção.

Ainda de acordo com o vice-reitor, a Universidade está atendendo várias demandas como essa da Polícia Militar e a do Hospital Universitário (HU) e, com mais insumos, pode atender outras instituições. Segundo ele, a realização do teste para detecção do coronavírus poderia ser descentralizado para o interior do Estado, já que a Universidade tem estrutura (laboratórios) e expertise para a realização dos testes.

O 2° Comando Regional de Polícia Militar compreende o 2º Batalhão de Polícia Militar (BPM), em Jacarezinho; o 5º BPM, em Londrina; o 10º BPM, em Apucarana; o 15º BPM, em Rolândia e o 18º Batalhão de Polícia Militar, em Cornélio Procópio. O Comando também reúne a 4ª Companhia Independente de Polícia Militar, em Londrina; a 6ª Companhia em Ivaiporã e a 7ª Companhia em Arapongas.

Por Bruno Carraro

Comentários