TERCA, 13/07/2021, 19:38

Vereadora sugere liberação de eventos culturais para pessoas vacinadas contra a Covid-19

Venda de ingressos seria limitada a 30% da capacidade de casas de show, teatros e salas de cinema

Uma nova indicação foi protocolada na Câmara de Vereadores de Londrina para liberação de eventos para pessoas vacinadas contra a Covid-19. A proposta é da vereadora Sônia Gimenez, que na semana passada já havia sugerido ao prefeito Marcelo Belinati e ao governador Ratinho Júnior a volta de eventos esportivos com 30% da capacidade de estádios, ginásios e arenas.

Desta vez, ela inclui na liberação os eventos culturais, como shows, teatro e cinema, também mantendo o limite de 30% da capacidade de público, desde que seja apresentada a carteira de vacinação.

O vereador Santão se absteve da votação da indicação alegando não concordar com passaporte sanitário. Já Matheus Thum se absteve por entender que, além da comprovação de vacinação, também seria necessária a apresentação de teste negativo para Covid.

Já a vereadora Lenir de Assis foi a única a votar contra a indicação. Ela entende que, diante do número de casos e mortes, ainda não é o momento adequado para pensar na volta dos eventos com grande número de pessoas.

Desde o início do mês, cidades como Belo Horizonte autorizaram a volta dos eventos culturais, com restrições como limite de 600 pessoas sentadas em shows e teatros, número reduzido para 400 caso haja consumo de bebida alcoólica. A partir de agosto, a capital mineira vai liberar a realização de feiras e congressos, também limitado a 600 pessoas. No Paraná, os eventos presenciais para grandes públicos seguem proibidos por decreto estadual.

Por Marco Feltrin

Comentários