QUARTA, 08/07/2020, 08:38

Audiência pública virtual para discutir Plano Diretor termina com quatro propostas

Uma delas quer transformar área da Usina Três Bocas no zoneamento de turismo e lazer

A audiência pública remota realizada pela Câmara de Vereadores de Londrina para discutir o projeto de lei que trata da
Lei Geral do Plano Diretor recebeu quatro propostas.
Elas serão analisadas pelas comissões de Política Urbana e Meio Ambiente e Desenvolvimento Econômico e
Agronegócio para serem transformadas em emendas em caso de aprovação.
Uma das propostas vem dos moradores da Usina Três Bocas, com a intenção de que a região seja incluída no
zoneamento para uso do Setor de Turismo e Lazer. Já a associação dos moradores do Jardim Canadá, na região
central da cidade, pedem que o bairro continue como zona residencial um, sem alteração para zona comercial.
A terceira sugestão pede a manutenção das áreas de proteção no fundo de vale do Córrego dos Tucanos, além do
perfil residencial dos bairros Granville, Itatiaia, Tucanos e Mediterrâneo, na zona sul da cidade. Segundo os moradores,
o adensamento urbano proposto no Plano Diretor vai alterar o aproveitamento dos terrenos, intensificando a ocupação
dos lotes e descaracterizando a área como de uso residencial de baixa densidade. A quarta manifestação é de uma
moradora pedindo a aprovação integral do projeto da forma como foi enviado à Câmara, sem emendas.
O relator do projeto na Comissão de Política Urbana e Meio Ambiente, Eduardo Tominaga, falou sobre a audiência
pública remota, ressaltando a importância dos ajustes até que a versão final do plano seja aprovada.

O Estatuto das Cidades prevê que o Plano Diretor seja atualizado a cada dez anos. Em Londrina, está atrasado desde
2018. O documento de 2,5 mil páginas tem parecer favorável da Comissão de Justiça após consulta a 50 entidades,
universidades e sindicatos. A audiência pública da semana passada foi a primeira em ambiente virtual para discutir o
tema. Em dezembro do ano passado, na primeira audiência presencial, foram apresentadas 14 propostas.

As quatro sugestões feitas mais recentemente não têm prazo para serem analisadas pelas Comissões.

Por Marco Feltrin

Comentários