SEXTA, 20/11/2020, 18:38

Pesquisa mostra que paranaenses vão guardar o 13º

Sondagem da Fecomércio revela que quase 50% dos trabalhadores vão fazer uma reserva financeira ou investir com o salário extra.

Até a próxima segunda, dia 30, os trabalhadores vão receber a primeira parcela do 13º salário. E a renda extra, sempre muito esperada todos os anos, parece já ter destino certo.

A pesquisa feita pela Fecomércio mostra que a maioria dos paranaenses vai usar o dinheiro extra para fazer uma reserva financeira ou investir, com quase 48% das respostas. O percentual é o dobro do ano passado, quando 23,7% dos trabalhadores afirmaram que não gastariam o 13º salário e aproveitariam para poupar.

Na comparação com 2019, percebe-se uma inversão entre as respostas mais citadas, pois neste ano, o pagamento de dívidas, que era a principal destinação do 13º salário no ano passado, passou para o segundo lugar, com 36%.

Na sequência, a sondagem da Fecomércio identificou ainda que quase 23% dos trabalhadores vão usar o dinheirinho extra para a compra dos presentes de Natal. A questão era de múltipla escolha e por isso outras aplicações também foram citadas, como o pagamento de impostos e taxas, com quase 19%, além das viagens, com 14%.

Rodrigo Rosalem, diretor do Sistema Fecomércio, explica que ao contrário da pesquisa do ano passado, na sondagem de 2020 o consumidor ampliou os horizontes e citou mais possibilidades de uso do dinheiro do 13º.

Além disso, 10% dos entrevistados pela Fecomercio ainda não sabem o que vão fazer com o salário extra. O levantamento ouviu 637 pessoas entre os dias 3 e 09 de novembro.

Por Marcos Garrido

Comentários