SEXTA, 18/12/2020, 08:21

Vereadora Daniele Ziober é acusada de xingar servidores em rede social

Amauri Cardoso prometeu levar o caso adiante com representação na comissão de ética

A temperatura subiu na última sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Londrina em 2020. Amauri Cardoso pediu a palavra durante a sessão para criticar um comentário postado pela vereadora reeleita Daniele Ziober no Facebook em que ela se refere aos servidores municipais usando um xingamento. Ele prometeu fazer uma representação contra a vereadora na Comissão de Ética.
Cardoso ainda fez um paralelo lembrando um vídeo em que o à época vereador Filipe Barros, hoje deputado federal, chamou trabalhadores de vagabundos durante uma manifestação no feriado de 1o de maio de 2017.

A vereadora decidiu se pronunciar sobre o caso em suas redes sociais. Ela confirmou que houve uma discussão via Facebook com uma protetora de animais que também é servidora pública e reclamava da falta de atendimento da Sema. Ziober diz que por ter recebido inúmeras reclamações deste tipo nos últimos meses, a discussão ficou acalorada e a vereadora apagou a publicação instantes depois “justamente para que não fosse utilizada como está, de forma descontextualizada, o que tem gerado desconforto e descontentamento por parte dos servidores públicos”.
Daniele segue a publicação dizendo que sempre lutou por melhorias na Sema, defendendo a causa animal. Ela ressalta ainda a consideração pelos servidores públicos que tenham recebido a publicação “desvirtuada de seu contexto e objetivo”, e por isso usou o mesmo meio, o Facebook, para esclarecer os fatos.
Caso Amauri Cardoso confirme o protocolo da representação na Comissão de Ética, Daniele ZIober será o 11o parlamentar da atual legislatura a responder por estes processos. Os campeões até agora são os deputados federais Filipe Barros e Emerson Petriv, com cinco representações cada.

Por Marco Feltrin

Comentários